logo IMeN

Aplicação de Probióticos como coadjuvante no tratamento da H. Pylori

A falha no tratamento de erradicação da H.Pylori, é de mais de 10%, e entre suas causas a resistência à antibióticos merece destaque.
Dessa forma, os probióticos tem sido empregados como coadjuvantes no tratamento, auxiliando na sua eficácia.
A associação do uso de probióticos diminui a colonização de H. Pylori, por meio de sua ação bactericida, produzindo ácidos orgânicos e bacteriocinas que interferem na adesão da H. Pylori às células intestinais.
Além disso, os probióticos também podem ajudar a reduzir a inflamação por exercer efeitos benéficos sobre a disfunção das células epiteliais e do sistema imune, que constituem a base da inflamação.
Os probióticos não substituem o tratamento convencional, mas podem ser vistos como terapia eficaz adjuvante na erradicação da infecção.

 

Referências:
- Mincis M, Mincis R, Mincis R. Avanços no tratamento da bactéria Helicobacter pylori (HP). GED. Gastroent. Endosc. Dig.30 (2): 75-79. 2011.

IMeN - Instituto de Metabolismo e Nutrição
Rua Abílio Soares, 233 cj 53 • São Paulo • SP • Fone: (11) 3287-1800 • 3253-2966 • administracao@nutricaoclinica.com.br