logo IMeN

Devo utilizar o peso calórico para o cálculo de nutrição parenteral pediátrica?

Segundo Holliday & Segar, para cada 100 kcal metabolizada há uma relação de necessidade hídrica de 100 mL/kg. Com esta relação, define-se o peso calórico, ou peso metabolicamente ativo, aplicado para o cálculo da quantidade de alguns nutrientes administrados a pacientes pediátricos.

          O peso calórico é utilizado para o cálculo da quantidade de glicose, fluido e eletrólitos. Para calorias, aminoácidos e lipídios, deve-se utilizar o peso real do paciente. Na prática clínica, utiliza-se o peso calórico para pacientes pediátricos com peso entre 10 e 50 kg. 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Holliday MA, Segar ME. The maintenance need for water in parenteral fluid therapy. Pediatrics. 1957;19:823-32.

Mirtallo J, Canada T, Johnson D, et al. Task Force for the Revision of Safe Practices for Parenteral Nutrition.JPEN 2004;28(6):S38-S70.

Leite, HP. Nutrição parenetral. In: Leite, HP, Junior, MT. In: Terapia nutricional no paciente pediátrico grave 1. ed. São Paulo: Editora Atheneu. Pp. 99-112, 2005.

IMeN - Instituto de Metabolismo e Nutrição
Rua Abílio Soares, 233 cj 53 • São Paulo • SP • Fone: (11) 3287-1800 • 3253-2966 • administracao@nutricaoclinica.com.br